PPSA correrá riscos

A atribuição estabelecida por lei para a Pré-Sal Petróleo (PPSA) de presidir o comitê operacional de todas áreas sob o regime de partilha no pré-sal leva a União a arcar com qualquer prejuízo decorrente das operações na região. A avaliação é do sócio responsável pela área de Petróleo e Gás do escritório Tozzini Freire, Luiz Quintans. “O comitê tem a responsabilidade de tudo que acontecer no projeto”, afirmou.

Segundo Quintans, a PPSA, que tem 100% de participação do governo, poderia ser responsabilizada, por exemplo, por um acidente ambiental de grandes proporções como o ocorrido no Golfo do México, em abril deste ano, uma vez que terá participação de 50% nos comitês, mais o poder de eleger o presidente e vetar qualquer decisão do colegiado. “No mundo do petróleo, o comitê operacional decide tudo”, enfatizou.

O advogado também considera inconstitucional o fato da PPSA ter a atribuição legal de presidir o comitê e ao mesmo tempo de fiscalizar e auditar as operações. “São funções incompatíveis. A Constituição não permite que um mesmo agente seja regulador e ator em uma operação como essa”, afirmou.

Quintans participou hoje (15/10) pela manhã do ciclo de palestras promovido pela Tozzini Freire, no Rio de Janeiro.

Fonte: Energia Hoje

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir