ESTALEIROS ENTRAM COM RECURSOS CONTRA LICITAÇÃO DE SONDAS


Eliminados do processo licitatório para construção de um lote de 28 sondas para a Petrobras, o Estaleiro Eisa-Alagoas e o consórcio formado pela Andrade Gutierrez e Estaleiro Mauá entraram com recursos alegando problemas na divulgação dos critérios de avaliação dos preços da licitação. O primeiro foi o que apresentou o valor mais alto, de US$ 5,49 bilhões, e o segundo, também desclassificado, levou à estatal uma proposta de US$ 5,77 bilhões.

Em seu recurso, o Eisa afirma que os preços ofertados pelos estaleiros mais bem colocados na licitação, Alusa-Galvão (US$ 4,68 bilhões) e Atlântico Sul (US$ 4,65), não são possíveis de execução, o que leva a crer que serão realizadas demandas adicionais no futuro. Já a Andrade Gutierrez reclama não ter sido dada informação suficiente aos participantes, a respeito dos fatores utilizados pela comissão de licitação para desqualificar uma proposta com base no preço.

Ambos os recursos visam tentar manter os concorrentes no processo, para que, em etapas à frente, possar ter a oportunidade de negociar seus preços diretamente com a Petrobras. Com a eliminação do Eisa e da Andrade Gutierrez, seguem na licitação o consórcio Odebrecht-OAS-UTC, com oferta de US$ 5,31 bilhões, Jurong Shipyard, US$ 5,18 bilhões e Keppel Fels, US$ 5,17 bilhões, além da Alusa-Galvão e Estaleiro Atlântico Sul.

Posição da estatal
Em nota, a Petrobras afirma que “é considerado preço excessivo aquele cujo valor ultrapassa o limite máximo de acordo com estimativa previamente feita pela Petrobras”. Segundo o presidente da companhia, José Sergio Gabrielli, não há prazo estipulado para o fim da concorrência. Entretanto, ele diz que há o costume de negociação do preço das propostas, para tentar reduzir o preço. Para o executivo, a estatal tem “folga” para esses equipamentos ao menos até 2014.

Em café com a imprensa, na sede da Petrobras, no último dia 14, o diretor de serviços da estatal, Renato Duque, confirmou que o Estaleiro Atlântico Sul é o concorrente com a melhor proposta para o pacote de sete sondas. Segundo Duque, se não houver erros, a aprovação para a construção dos equipamentos pode sair ainda esse ano. Tudo depende da avaliação da comissão de licitação sobre o projeto apresentado.

Nicomex Notícias – Redação
nicomex@nicomex.com.br

Fonte: Nicomex Notícias

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir