Prominp completa sete anos de avanços


De 2003 a 2010, a participação do conteúdo nacional nos projetos de petróleo e gás cresceu de 57% em 2003, para 75,6% em 2010, gerando o valor adicional de US$ 21,5 bilhões de bens e serviços contratados no mercado nacional e o acréscimo de mais de 875 mil postos de trabalho gerados no país nesse período.

Esse é o principal resultado da atuação do Prominp (Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural), que completa sete anos de criação a contar da publicação do Decreto nº 4.925, instituído pelo governo federal com o objetivo de aumentar a participação da indústria nacional de bens e serviços na implantação de projetos de petróleo e gás natural no Brasil e no exterior.

Balanço do Prominp
Seguem outros pontos marcantes dos sete anos de atuação do programa, que é coordenado pelo Ministério de Minas e Energia e pela Petrobras, com a participação de diversas entidades representativas da indústria, das empresas operadoras e associações de classe ligadas ao setor de petróleo e gás no País.

1. Processo Seletivo para o 5º Ciclo de cursos gratuitos – Desde 2006, o programa já treinou 78 mil profissionais na área de petróleo e gás e, em 2010, realizou mais um processo seletivo para os cursos gratuitos de qualificação, com a oferta de 28 mil vagas, em 185 categorias de nível básico, médio, técnico e superior. Com recorde de inscritos (260 mil), o 5º Ciclo abrangeu 13 estados e o início das aulas está previsto para o primeiro semestre de 2011. Todos os alunos recebem bolsa-auxílio de R$ 300 a R$ 900 e seus currículos são disponibilizados no site do Prominp para acesso gratuito de empresas relacionadas ao setor. A previsão é que serão oferecidas, nos próximos anos, mais 190 mil vagas em cursos gratuitos, como forma de atender às demandas do mercado previstas nos investimentos contidos no Plano de Negócios 2010-2014 da Petrobras. Este quantitativo amplia em quase cinco mil vagas o total antes projetado pelo Prominp com base na versão 2009-2013 do Plano de Negócios da companhia.

2. Consolidação do Portal de Oportunidades entre os fornecedores do setor – em dezembro, o Portal de Oportunidades da Cadeia de Suprimentos do Setor de Petróleo e Gás completou um ano no ar, com o objetivo de dar visibilidade às demandas de materiais, equipamentos e componentes necessários para a implantação dos projetos do segmento, além de estimular a interação entre os fornecedores de diversos níveis. Através do portal disponível no site do Prominp, as empresas podem acessar gratuitamente dados sobre a demanda quantificada dos itens, por localidade, ano e especificação. Além disso, os cerca de quatro mil fornecedores cadastrados podem visualizar os currículos dos profissionais treinados pelo Prominp e divulgar seus principais produtos e serviços, conhecendo potenciais clientes e fornecedores.

3. Estudo inédito para dimensionar a capacidade de produção – Com foco na necessidade de adequar a infraestrutura de produção da indústria nacional, a Petrobras, o BNDES, a Universidade Federal do Rio de Janeiro e o Prominp deram início ao Estudo de Dimensionamento da Capacidade Produtiva da Indústria Nacional. Trata-se de um diagnóstico que identificou e quantificou a real necessidade de ampliação da capacidade de atendimento da indústria brasileira de bens e serviços. Feito com base na avaliação detalhada de empresas representativas do setor, o estudo verificou de que forma fatores como infraestrutura, tecnologia, recursos humanos e financiamento influenciam na capacidade produtiva. O resultado parcial do estudo foi apresentado durante o 7º Encontro Nacional do Prominp, em novembro, na cidade de Porto Alegre (RS), e a conclusão das propostas para solucionar os desafios detectados está prevista para ser apresentada em maio do ano que vem.

4. Crédito facilitado para os fornecedores da cadeia produtiva – O lançamento do Programa Progredir, desenvolvido pela Petrobras, em parceria com o Prominp e os seis maiores bancos nacionais, foi outro destaque do ano. Utilizando um portal que servirá como base de informações, registrando dados relativos a contratos das empresas com a Petrobras, a iniciativa irá facilitar a concessão de crédito em condições que favoreçam o crescimento sustentável da cadeia de fornecedores do setor. Atualmente, o programa se encontra em fase-piloto e a previsão é de passar a atender às demais empresas do setor em 2011.

5. Lançamento de editais para financiamento de projetos tecnológicos – Em agosto, foram lançados pela Finep (Financiadora de Estudos e Projetos) dois editais que vão disponibilizar R$ 130 milhões para financiar projetos que contemplem soluções tecnológicas para os desafios do setor. Os editais foram preparados com base na agenda sugerida pelo Prominp Tecnológico, estruturado em 2009 com a proposta de elevar a competitividade dos fornecedores de bens e serviços através do desenvolvimento e da implantação de tecnologias na indústria nacional de suprimentos. Além disso, os editais se diferenciaram por oferecer contrapartida não financeira (as empresas podem dispor de recursos humanos, insumos etc) e por estimular que as propostas sejam encaminhadas pelos fornecedores, com o apoio de universidades que conduzirão os projetos.

6. Lançamento do primeiro fórum estadual – em 12 de agosto, foi lançado o Fórum Estadual Prominp do Rio de Janeiro, com coordenação do governo estadual. Seu objetivo é contribuir com o trabalho que já vem sendo realizado por outros fóruns existentes no Rio de Janeiro (Leste Fluminense, Bacia de Campos e Duque de Caxias), mas com visão integrada e estratégica, em função da relevância do estado que sedia importantes empreendimentos do setor e é responsável por mais de 80% da produção nacional de petróleo. Os demais 21 núcleos regionais do Prominp estão instalados em 15 estados onde existem atividades do setor de petróleo e gás. Todos atuam visando ao atendimento das demandas regionais, incentivando o fornecimento de bens e serviços pela indústria local e a inserção de pequenas e microempresas na cadeia produtiva. Para 2011, está prevista a estruturação de um novo fórum regional em Mato Grosso do Sul.

Fonte: Blog Fatos e Dados

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir