Farm-out na Bacia de Santos

A Panoro Energy, norueguesa independente controladora da Norse Energy, fechou acordo com a Vanco Brasil Exploração e Produção, subsidiária da norte-americana Vanco Overseas Energy, para farm-out parcial nos blocos BM-S-63, BM-S-71 e BM-S-72, todos em águas rasas da Bacia de Santos. O acordo, avaliado em US$ 15 milhões, também prevê o farm-out parcial da Brasoil, sócia da Panoro nas áreas com 50% de participação.

A Vanco Brasil será operadora das três áreas com 70% de participação. Panoro e Brasoil continuarão como parceiras dos projetos, com participações iguais de 15%. O acordo prevê também que a Vanco financie a perfuração de três poços exploratórios na área, um em cada bloco.

A Panoro já adquiriu nas três áreas 520 km² de sísmica 3D. A campanha foi feita pela PGS e mapeou quatro prospectos no pós-sal com estimativas de 880 milhões de barris. Os estudos agora estão concentrados na seção pré-sal dos prospectos, onde, de acordo com a empresa, existem boas perspectivas, o que pode elevar as estimativas para 1,1 bilhão de boe.

Os três blocos estão a leste do campo de Piracucá, na antiga área do BM-S-7, e ao Norte dos prospectos de Tiro e Sidon, no bloco BM-S-40, todos em águas rasas da Bacia de Santos.

Farm-in/Farm-out: Processo de aquisição parcial ou total dos direitos de concessão detidos por outra empresa. Em uma mesma negociação, a empresa que está adquirindo os direitos de concessão está em processo de Farm-in e a empresa que está vendendo os direitos de concessão está em Farm-out.

Fonte: Energia Hoje

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir