EÓLICAS VIRAM SOLUÇÃO PARA O NORDESTE


Um apagão afetou parte da região Nordeste do país entre a noite de quinta-feira (3) e a madrugada de sexta-feira (04). Pelo menos oito estados foram atingidos, entre eles Bahia, Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Ceará. Mais de 13,5 milhões de clientes foram afetados pelo apagão. De acordo com a Chesf (Companhia Hidroelétrica de São Francisco), houve uma falha no circuito eletrônico da subestação Luiz Gonzaga, no município de Jatobá, em Pernambuco. Assim, os sistemas das usinas de Xingó, Paulo Afonso e Luiz Gonzaga ficaram desligados.

Outro sistema de transmissão de Sobradinho, no Piauí, estava desligado para manutenção, o que "represou" a energia. Esses acontecimentos provocaram alterações no sistema elétrico, o que levou ao desligamento em cascata de outras linhas de transmissão que vão distribuindo a energia até chegar às cidades - inclusive os pontos de interligação com o Norte e o Sudeste, que poderiam mandar energia, explicou o Ministro de Minas e Energia, Edison Lobão.

Esse problema poderia ter sido evitado se a região tivesse alternativas de geração de energias renováveis, especialmente eólica e solar. A avaliação é do coordenador da Campanha de Energias Renováveis do Greenpeace, Ricardo Baitelo em entrevista à Agência Brasil. “Se você tem mais pontos de geração e transporte de energias vindas do litoral, por meio de usinas eólicas e solares, a gente tem um risco menor de depender de um único sistema e de ter esse tipo de problema. É claro que não reduz o risco a zero, mas quando se tem mais possibilidade, você diversifica isso”, disse, ressaltando que a Região Nordeste tem um enorme potencial para geração de energias renováveis.

Lobão afirmou no dia 4 que o Nordeste contará com uma nova capacidade de geração de energia nos próximos anos que ajudará a atender a demanda de consumidores na região. O ministro destacou particularmente os leilões para contratação de energia eólica, que aproveitarão o potencial proporcionado pelos ventos da região. “Estamos ingressando fortemente no sistema de produção de energia eólica. Vamos fazer novos leilões específicos de eólica que será praticamente toda implantada no Nordeste”, afirmou o ministro ao ser questionado sobre o esgotamento da capacidade de geração hídrica do rio São Francisco.

Apagões aumentaram
O número de apagões graves, como o que acaba de atingir sete Estados do Nordeste, quase dobrou nos últimos dois anos, segundo o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico). De acordo com boletins do órgão, foram registrados no ano passado 91 desligamentos superiores a 100 MW (o equivalente ao consumo médio de uma cidade com 400 mil habitantes). Em 2009 foram 77 desligamentos acima de 100 MW e em 2008 foram 48. O número de blecautes caiu entre 2005 e 2008, mas voltou a subir em 2009. Naquele ano, o apagão mais abrangente na história do país deixou sem o fornecimento de energia 70 milhões de pessoas em 18 Estados.

Fonte: Nicomex Notícicas
nicomex@nicomexnoticias.com.br

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir