Preço do gás de cozinha sofre uma variação de 99,63% no Brasil‏

Explicações, é o mínimo que nossas autoridades que atuam em defesa do consumidor poderiam dar a população brasileira. Como explicar uma variação deste porte em um produto que é a base para alimentação de todos. Podemos ir alem, hoje vivemos num sistema onde a suspeita de cartel tem sido alvo de muitas acusações, não da para imaginar as conseqüências com a entrada do setor do Gás Natural, onde o monopólio toma o seu papel principal.

Este é cenário do Brasil, a população sofre de um ou de outro, o povo brasileiro ficou refém e o mais grave deste contexto é o de não ter a quem reclamar.

Uma pesquisa da ANP, www.anp.gov.br, realizada no período de 12/06/2011 a 18/06/2011 destacou pontos que no mínimo evidenciam o total desrespeito com o povo brasileiro, um retrato de um setor sem Lei.

No Estado do mato Grosso do Sul foi mostrado o maior preço do gás de cozinha comercializado no Brasil.

Síntese dos Preços Praticados - MATO GROSSO

Resumo I - GLP R$/13kg

Período : de 12/06/2011 a 18/06/2011


CUIABÁ

Preço máximo de venda ao consumidor do botijão de gás de cozinha: R$ 53,90

Preço máximo de compra do revendedor no botijão de gás de cozinha: R$ 44,00

Fonte: www.anp.gov.br


É importante considerar que:

...... O GLP não sobe na Petrobras desde 2003

...... O Governo do Estado do MT reduziu de 17% para 12% o ICMS incidente sobre o combustível Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) residencial, o gás de cozinha.

Fonte: http://www.cdlaf.com.br/Noticias/Governo-blairo-maggi-reduz-de-17-para-12-icms-do-gas-de-cozinha-/


Síntese dos Preços Praticados - NORTE

Resumo I - GLP R$/13kg

Período : de 12/06/2011 a 18/06/2011


MANAUS

Preço mínimo de venda ao consumidor do botijão de gás de cozinha: R$ 27,00

Preço mínimo de compra do revendedor no botijão de gás de cozinha: R$ 16,12

Fonte: www.anp.gov.br


Aos Exmos Senhores Senadores, Deputados Federais e Estaduais que nos acompanham, amigos da imprensa, colegas revendedores, esta claro que a solução para o setor não é o de reduzir impostos, muito menos substituir o tradicional gás de cozinha por um sistema monopolizado como o gás natural, não há como explicar que na cidade de Manaus uma revenda compra seu botijão de gás de cozinha por R$ 16 Reais e este mesmo gás chegue no MT a R$ 44 Reais.

Precisamos dar um basta a estes absurdos, o setor precisa ser revisto, abrir a Caixa de Pandora do setor do gás de cozinha é uma necessidade, nossas autoridades não podem se omitir ou se silenciar diante aos fatos, o Código de Defesa do Consumidor não é apenas uma Cartilha e continuar sendo ignorado, nossa rede de revendedores é em muitos momentos vista como Companhias Distribuidoras e esta é uma realidade distorcida dos fatos, assim como a população brasileira, somos reféns de preços, condições e de ações de retaliações ao nos expressar ou buscar alternativas que possam colocar o mercado na sua forma mais competitiva.

Cordialmente,

Alexandre Borjaili
Presidente
Associação Brasileira dos Revendedores de GLP, ASMIRG-BR

1 comentários:

Anônimo disse...

É descaso e desrespeito com o consumidor,que não tem com quem reclamar pelos preços abusivos aplicados sobre a população.O governo omisso as nossas necessides,não vem nos defender,são particpantes com esse grande cartel.
Estou muito irritada e aborrecida com tudo isso e com as mãos amarradas pois, não posso fazer nada,a não ser protestar.
Sandra Maria Thomaz

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir