Revendedores de GLP tem uma representatividade vergonhosa.

A cultura de nossas revendas ainda é o deixar para lá tudo aquilo que não esta relacionado diretamente as suas vendas do gás. Da para imaginar ser representado diante as autoridades como a ANP por uma pessoa indiciada pela Policia Federal por formação de cartel? Por alguém ligado a milícias? Ou por pessoas cujo interesse estejam ligado a ilegalidade?

A ASMIRG-BR vem recebendo várias denuncias de suspeitas de ilegalidades e solicitações de grupos de revendedores interessados em abrir uma associação ou mesmo abrir uma base regional da ASMIRG tamanha a indignação com a atuação de seus sindicatos, mas esta é a solução?

Costumamos fazer uma comparação, se dou carona a um amigo e este transporta um produto ilegal, na primeira fiscalização serei autuado até mesmo preso por estar ao lado deste amigo, um velho ditado diz por si, diga com quem tu andas que direi quem tu és.

A ASMIRG-BR vem orientando a todas as revendas que já acordaram para esta realidade e suas conseqüências a buscarem o que é seu de direito, um sindicato é uma representação de uma classe, somos obrigados a contribuir anualmente com altos valores, uma convenção coletiva mal firmada deixa uma gorda conta para nosso setor, é importante que todos se filiem, se x ou y não esta apito a representá-lo, façam novas eleições, não havendo dialogo, busquem a interferência do Ministério Público do Trabalho. É direito de nossas revendas ser bem representada, por pessoas dignas e com a competência necessária para defender seus direitos, um sindicato recebe de todos uma contribuição anual obrigatória, sua conta deve ser fiscalizada, havendo suspeitas de irregularidades e desvio, denunciem.

Oportunamente esclarecemos a todos que estão recebendo cobrança de algumas federações, estas cobranças não são obrigatórias, é mais uma forma de ganhar dinheiro fácil, alias gostaríamos de saber o que estas federações fazem com nosso dinheiro, a quem elas representam, a participação das federações esta incluída na taxa anual obrigatória que pagamos ao sindicato, qualquer outra cobrança não é obrigatória, e sim voluntária, não saem pagando nada sem a ter a certeza que querem doar seu dinheiro.

A ANP e demais autoridades que nos lêem em cópia reforçamos nosso apoio em sua campanha ao combate a clandestinidade, sabemos e respeitamos as dificuldades enfrentadas por esta conceituada Agencia neste grande desafio da promoção da legalidade no setor do GLP. A ASMIRG-BR representa os empresários do setor do GLP, em grande maioria empresas de regime familiar, pessoas honestas, lutadoras, dignas e merecedoras de todo o respeito desta associação como de nossas autoridades, e neste sentido chamamos a atenção de V.Sas para o não julgamento de nossa classe tendo como referencia alguns elementos que se dizem ser representantes de classe, mas na verdade usam de nossos sindicatos para ações que divergem do interesse da classe dos revendedores de GLP, contrariando nossos ideais e comprometendo inclusive a imagem de sindicatos legalizados e legitimados pela classe dos revendedores, cuja representação não é apenas legal, é comprovadamente vista por todos a serviço do interesse de nossas revendas de GLP.

Cordialmente,

Alexandre Borjaili
Presidente
Associação Brasileira dos Revendedores de GLP, ASMIRG-BR

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir