Chemtech entra no mercado de engenharia submarina


A Chemtech deu início a um projeto pioneiro para a Petrobras, que promete aprimorar as aplicações de controle, monitoramento e vigilância submarinos. Com consultoria da Siemens Subsea, o Projeto SHAR (Sistema Hidroacústico para Acionamentos Remotos) é o primeiro de uma série de pesquisas para a área submarina, iniciada por especialistas da Chemtech.

O objetivo é desenvolver um sistema sem cabos para o controle remoto de válvulas submarinas em manifolds. A tecnologia escolhida já era usada anteriormente em outras aplicações, como monitoramento de risers e leitura de dados, mas nunca para atuação remota. Segundo Roberto Leite, diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da Chemtech, essa também é a primeira vez que a Petrobras utiliza esse sistema com a finalidade de comando em suas operações.

As vantagens do sistema para a estatal petrolífera estão no impacto operacional nas operações de acionamento de válvulas. Hoje, o uso de mergulhadores é necessário para operações em águas rasas e o uso de cabos submarinos é obrigatório para águas profundas, o que torna o processo caro, arriscado e demorado. “Para uma operação submarina, ainda que em águas rasas, o mergulhador precisa de um tempo de preparo antes e depois da operação, já que vai sofrer altas pressões no fundo do mar. No fundo do mar, é necessário usar longos cabos submarinos que são componentes muito caros e de difícil instalação”, explica Leite.

Segundo o executivo, os benefícios da utilização do SHAR não param por aí. “O sistema serve não apenas para abrir e fechar válvulas, mas o seu conceito pode ser usado para coleta de dados em tempo real, o que no pré-sal, por exemplo, terá uma grande demanda”, diz.

Para a Chemtech, as vantagens são enormes. “Vamos inaugurar nosso novo Centro de P&D este ano, que terá um foco muito grande em engenharia submarina no curto prazo, e esse é nosso primeiro projeto na área e, ainda, autossustentado”, analisa Leite.

O projeto, sob a supervisão da gerente de projetos, Catarina Favaro, tem previsão de entrega em janeiro de 2013. Depois disso, a empresa pretende chegar mais longe, levando o sistema para o mercado mundial.

Fonte: UdP

1 comentários:

Anônimo disse...

valeu gostei muito.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir