Rodada de leilão para exploração de petróleo arrecada R$ 2,8 bilhões

A 11ª rodada de petróleo da Agência Nacional de Petróleo (ANP), prevista para ser realizada em dois dias, começou às 9h desta terça-feira (14) e terminou por volta das 17h30 com a arrecadação recorde de R$ 2,8 bilhões, batendo os R$ 2,1 bilhões arrecadados na 9ª rodada, em 2007. Foram oferecidos 289 blocos em terra e mar, em 11 bacias sedimentares, entre maduras e de novas fronteiras. Foram arrematados 142 blocos.

A ANP divulgou em sua página na internet os resultados dos vencedores em cada uma das bacias.

Pela manhã, a diretora-geral da ANP, Magda Chambriard, tinha estimado que o leilão poderia render de R$ 2 bilhões a R$ 2,5 bilhões. Ao todo, 64 empresas foram habilitadas para 11ª rodada de Licitações da ANP, recorde que supera as 61 habilitadas da nona rodada. O objetivo do leilão, segundo a ANP, é promover o conhecimento das bacias sedimentares, desenvolver a pequena indústria petrolífera e fixar no país empresas brasileiras e estrangeiras. A agência afirma que mantém a regra de conteúdo local para fortalecer fornecedores nacionais de bens e serviços.

As empresas vencedoras terão de cinco a oito anos para desenvolver seus projetos e 30 anos para explorar seus campos, segundo a ANP.

A 11ª rodada acontece após mais de quatro anos depois doúltimo leilão de petróleo promovido pelo governo.

A realização da 11ª rodada foi aprovada em 2011 pelo Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) e aguardava, desde então, autorização da presidente Dilma Rousseff, o que ocorreu apenas em janeiro de 2013. O governo vinha adiando o leilão porque aguardava a aprovação da nova lei de rateio dos royalties entre União, estados e municípios.

Blocos arrematados

A Statoil Brasil arrematou quatro dos seis blocos oferecidos na Bacia Marítima do Espírito Santo - os dois outros ficaram com a Petrobras. A bacia está situada na porção norte da margem continental brasileira, ao longo da costa do estado do Espírito Santo. As empresas operadoras na bacia são Petrobras, Perenco e Repsol. A produção registrada em dezembro de 2012 foi de 23.081 bbl/dia de petróleo e 7.000 Mm³ de gás natural.

Thore E. Kristiansen, presidente da Statoil, anunciou que, na semana passada, a produção do campo Peregrino, na Bacia de Campos, que a companhia norueguesa opera, produziu 100 mil barris de petróleo por dia.

"Somos o segundo maior produtor no Brasil, e temos interesse em desenvolver nosso trabalho no país, que tem muito podencial. Há dois anos o cenário é estável e positivo. Queremos investir, crescer e criar mais empregos no Brasil", disse o excutivo.

A Petrobras arrematou dois blocos em terra na Bacia Potiguar, uma bacia madura situada no Rio Grande do Norte, no Nordeste brasileiro. É uma das dez bacias brasileiras produtoras de petróleo e gás natural, com 75 campos em terra e potencial para descoberta de óleo. Operam na bacia as concessionárias All Petro, Airclima Engenharia, Central Resources, Genesis 2000, Partex, Petrobras, Petrogal, Petrosynergy, Proen, Sonangol Starfish e UTC Engenharia. A produção em dezembro de 2012 foi de 53.363 bbl/dia de petróleo e 752 Mm³/dia de gás natural. As petrolíferas Geopark, Imetame, UTC e Irati também arremataram blocos em terra na bacia.

Fonte: Lilian Quaino Do G1, no Rio

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir