OPERAÇÃO MARÍTIMA QUE TROUXE A PLATAFORMA P-67 DA CHINA PARA O RIO DE JANEIRO É INÉDITA EM TODO MUNDO


A chegada da  Plataforma P-67 ao Rio de Janeiro, onde está está ancorada na Baia da Guanabara para os últimos ajustes antes de seguir para o Campo de Lula Norte, trouxe também uma operação inédita.  Foi a maior operação de transporte de um navio plataforma já realizada no mundo, onde foi usado o navio Boka Vanguard. A embarcação saiu da China e levou  45 dias trazendo a P-67, plataforma de produção de petróleo da Petrobrás que irá operar nos campos de pré-sal da Bacia de Santos. O Boka Vanguard é um navio do tipo “Heavy Transport Vessel” (HTV) e tem 275 metros de comprimento e capacidade de transportar até 117 mil toneladas. Para se ter uma ideia da dimensão, o navio tem capacidade de transportar o peso equivalente a cerca de 300 aviões intercontinentais.

Os dois navios têm certificado de classificação (certificação técnica) do Bureau Veritas, líder mundial em Teste, Inspeção e Certificação (TIC). Sérgio Mello, Diretor de Desenvolvimento da divisão Maritima & Offshore do Grupo Bureau Veritas no Brasil disse que a “A classificação atesta a conformidade dos navios aos mais avançados critérios técnicos, com impactos positivos à segurança das operações, das pessoas e do meio ambiente. O Bureau Veritas tem em seu registro mais de 11.000 navios totalizando cerca de 117 milhões de toneladas de arqueação brutas classificadas e é um dos membros fundadores do IACS, o órgão que harmoniza regras e padrões técnicos internacionais na área marítima”.

 Primeira Sociedade Classificadora da história, o Bureau Veritas verifica e atesta a solidez e a segurança dos navios, que assim operam seguindo as melhores práticas e com menor risco ao meio ambiente, através de sua divisão Marítima e Offshore. As duas embarcações envolvidas nesta operação de “dry-tow” (reboque a seco, quando a plataforma vem sobre outro navio que a transporta) são classificadas pelo Bureau Veritas, que além da emissão dos certificados de Classe é também responsável pela emissão dos certificados exigidos pelas Autoridades Marítimas, tais como o Certificado de Prevenção da Poluição, Certificado de Segurança (MODU Code) e Certificado de Borda-Livre (linhas de carga).

Fonte: Petronotícias

Licença Creative CommonsTodo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição-Sem Derivações 4.0 Internacional.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir