Queima de gás sob controle

A ANP está negociando com as petroleiras que atuam no país um Programa de Ajuste para Redução da Queima de Gás Natural. A ideia, contou o diretor da agência Victor Martins, é que as empresas trabalhem com a possibilidade de queimar até 3% de sua produção de gás associado, podendo ser elevado para 5% em casos específicos, como o comissionamento de unidades de produção.

As operadoras já submeteram ao órgão regulador seus respectivos programas de ajuste. A meta é assinar ainda este ano termos de compromisso com todas as empresas que operam no país.

Dados do órgão regulador mostram que no último mês foram queimados 6,2 milhões de m³/dia de gás, o que representa 10% da produção total do energético no país. Do total do gás queimado, 5,3 milhões de m³/dia foram produzidos no offshore e 890 mil m³/dia, em terra. A Bacia de Campos é hoje responsável pela maior fatia do gás queimado, com 3,93 milhões de m³/dia. Os TLDs de Tiro e Sídon e Tupi, ambos em Santos, queimaram juntos 1,1 milhão de m³/dia em agosto.

Dos dez maiores campos queimadores de gás do país, a Petrobras responde pela operação de oito. A maior queima da empresa é feita no campo de Jubarte, na parte capixaba da Bacia de Campos, com cerca de 1 milhão de m³/dia. Chevron e Shell aparecem na lista com a queima de 62 mil m³/dia e 47 mil m³/dia nos campos de Frade e Salema, também em Campos.

Fonte: Energia Hoje

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir