Ninguém sabe qual é o custo da refinaria

O orçamento da Refinaria Abreu e Lima, em construção em Suape, ainda está em aberto. Foi o que disse o presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, numa coletiva de imprensa no Recife, após participar do seminário Pré-Sal: o futuro do Brasil, na Federação das Indústrias de Pernambuco. Questionado sobre a elevação de 16% no valor global do projeto, mesmo depois de ter relicitado contratos para baixar custos, ele afirmou que uma unidade de refino demora de seis a sete anos para ter o orçamento fechado.

O primeiro valor anunciado para a refinaria foi de US$ 2,5 bilhões, subiu para US$ 4,05 bilhões e depois para US$ 13,3 bilhões. Após relicitar cinco dos principais contratos, em dezembro de 2009, a Petrobras anunciou uma redução de R$ 6,7 bilhões em relação ao primeiro pacote de preços apresentados. Depois dessa negociação, passou a anunciar o valor do empreendimento em R$ 23 bilhões. Na última visita do presidente Lula a Pernambuco, em agosto passado, ele disse que o valor da refinaria teria chegado a R$ 26,7 bilhões e admitiu atrasos no cronograma.

Na coletiva, Gabrielli ressaltou que uma refinaria tem centenas de contratos e que ainda pode mudar, apesar de afirmar que todos já foram licitados. Em resumo, ele não respondeu o motivo do aumento de R$ 3,7 bilhões, em relação ao último orçamento. O valor foi um dos principais questionamentos do Tribunal de Contas da União, que chegou a suspender a obra.

Também não respondeu se a PDVSA permanece ou não como sócia da Abreu e Lima, onde os venezuelanos teriam 40% e a Petrobras 60% do empreendimento. “Temos contrato de acionistas e a PDVSA só estará fora se disser que está. Não vou ficar fazendo especulações sobre esse assunto”, falou, aborrecido. A saída da PDVSA vai exigir um remodelamento da refinaria, pois 50% do petróleo seria venezuelano e isso implicaria na necessidade de construir uma unidade de tratamento de enxofre específica para esse tipo de óleo. Visivelmente preocupado com uma matéria publicada no Valor Econômico – na reta final da campanha eleitoral –, que sugere contradições nos números divulgados pela Petrobras, Gabrielli abriu a coletiva apresentando 22 páginas de gráficos para desmentir a reportagem. “Desminto, categoricamente, tudo o que está ali”, vociferou.

CONCURSO
Durante o evento no Recife, Gabrielli disse que a Petrobras vai contratar 14 mil novos servidores até 2014. Para formar o quadro da Refinaria Abreu e Lima, um concurso público foi realizado, contratando 300 pessoas para a área operacional. A perspectiva é que seja realizada uma segunda seleção em 2011, dessa vez para a área administrativa, de laboratórios e engenharia. “Vamos esperar o início do próximo ano para lançar os editais e contratar mais 400 profissionais”, diz o presidente da refinaria, Marcelino Guedes. Segundo ele, os primeiros contratados estão fazendo treinamento em oito refinarias da Petrobras pelo País.

Fonte: Jornal Commercio (PE)Adriana Guarda

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir