Odebrecht Óleo e Gás vende fatia para Temasek

A Odebrecht Óleo e Gás (OOG) vendeu, por US$ 400 milhões 14,3% do seu capital para a Temasek Holdings, fundo de investimentos do Ministério da Fazenda de Cingapura. Como resultado, o presidente da OOG, Miguel Gradin, admitiu que as necessidades de recursos para o médio prazo foram satisfeitas, o que adiou a possibilidade de abertura de capital da companhia. "A ideia de um IPO [oferta pública inicial de ações, na sigla em inglês] não foi abortada totalmente. Mas vimos a parceria com a Temasek como a melhor opção para o curto e o médio prazos. Futuramente, poderemos ter nova capitalização ou analisar um IPO", disse.

A expectativa é que os recursos contribuam para a realização do plano de investimentos de US$ 3,5 bilhões para os próximos três anos, período que a empresa poderá construir cinco sondas de perfuração, além das cinco que já em construção. A primeira delas, a Norbe 6, que está sendo feita nos Emirados Árabes, chega ao Brasil em dezembro para operar para a Petrobras em águas profundas e ultraprofundas.

As outras quatro unidades estão em construção na Coreia do Sul - duas chegam ao país em 2011 e as outras duas em 2012. Para as duas últimas unidades, a OOG ainda negocia a estrutura de "project finance" para custear a construção, num pacote que deverá custar US$ 1,2 bilhão, dos quais US$ 1 bilhão em emissão de dívida e o restante em recursos próprios.

Gradin ressaltou o bom momento da economia nacional e frisou que o resultado da disputa presidencial não mudará o cenário de otimismo. "Há uma estabilidade política muito positiva, com crescimento muito favorável. Essa visão vai continuar para o país, independentemente da política."

Paulo Cesena, diretor da Odebrecht S.A., que controla a OOG, disse que a empresa está concorrendo na licitação para um pacote de sete sondas de perfuração lançada para a Petrobras. Cesena limitou-se a dizer que será construído um estaleiro em São Roque, na Bahia, que poderá servir de base para a construção de embarcações e sondas no Brasil. Segundo o executivo, o estaleiro já obteve licença de instalação.

O diretor de investimentos da Temasek, Matheus Villares, fez questão de explicar que, apesar de pertencer ao Ministério da Fazenda cingapuriano, a empresa tem conselho de administração e gestão independentes, responsáveis por um portfólio de investimentos de US$ 133 bilhões. "A OOG nos atraiu pela capacidade [de crescer] em um setor bastante complexo", destacou, admitindo que a companhia está sempre "olhando investimentos" em diversos países.

Fonte: valor Econômico/Rafael Rosas | Do Rio

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir