Petrobras anuncia que P-57 custou US$ 1,2 bi

A Petrobras investiu US$ 1,2 bilhão para inaugurar amanhã, no estaleiro BrasFells, em Angra dos Reis, o navio-plataforma P-57. Essa unidade, que irá operar no campo de Jubarte, na porção capixaba da Bacia de Campos, a 80 quilômetros da costa do Espírito Santo, irá produzir 180 milhões de barris de óleo/dia e 2 milhões de metros cúbicos de gás. E o primeiro óleo está previsto para meados de novembro.

Com essa unidade de exploração (plataforma do tipo FPSO (sigla em inglês para unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de óleo), o Estado do Espírito Santo terá, em 2015,uma produção em torno de 500 mil barris/dia, conforme disse ontem o gerente executivo de exploração e produção da estatal, José Antônio de Figueiredo. A plataforma será batizada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que também irá inaugurar as novas instalações do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes), na Ilha do Fundão.

A P-57, segundo ele, que integra a segunda fase de desenvolvimento do campo de Jubarte, está ancorada a uma profundidade de 1.260 metros e produzirá óleo de 17 graus API. Além disso, será interligada a 22 poços, sendo 15 produtores e 7 injetores de água. O pico de produção deverá ser atingido até o início de 2012.

O sistema de produção da P-57 é inédito no Brasil. Coleta dados sísmicos em 4D, instalados permanentemente no leito marinho. Essa solução, segundo ele, permitirá maior agilidade na obtenção de dados sísmicos, além de melhorar a qualidade de interpretação do reservatório, com a otimização da produção. Já o casco da P-57 foi feito em Cingapura, no estaleiro Keppel Shipyard, entre outubro de 2008 a março deste ano. O índice de nacionalização da P-57 alcançou cerca de 68%.

Já a ampliação do Cenpes é parte de uma estratégia da Petrobras para ampliação da capacidade experimental do parque tecnológico brasileiro. A estatal é a empresa que mais investe em ciência e tecnologia no país. Nos últimos três anos investiu cerca de R$ 4,8 bilhões, sendo que R$ 1,2 bilhão foram direcionados a universidades e institutos de pesquisa nacionais, parceiros da petroleira na construção de infra-estrutura experimental, na qualificação de técnicos e pesquisadores e no desenvolvimento de projetos de pesquisas.

Fonte: Monitor Mercantil

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir