Companhias de óleo e gás incentivam a adoção de ferramentas de mídias sociais


Uma pesquisa realizada pela Accenture e a Microsoft junto a 205 profissionais dos segmentos de óleo e gás revelou que o setor tem utilizado mais ferramentas on-line para conduzir suas atividades do que em relação ao ano passado. Além disso, os colaboradores dessas áreas também usam mais as mídias sociais para aprimorar suas práticas de trabalho. O estudo demonstrou que aproximadamente três quartos dos consultados (74%) utilizam ferramentas de mídia social em Cloud Computing para colaboração nos negócios - um incremento em relação aos 62% do ano anterior (62%). Já 38% das pessoas afirmaram utilizar ferramentas públicas de mensagens instantâneas para colaboração nos negócios, o que significa um aumento de 11%. As redes sociais internas das empresas vêm logo em seguida entre as mais utilizadas (33%, um crescimento de 17% sobre o ano anterior).

De maneira geral, os profissionais cada vez mais trabalham juntos via web. De fato, 34% afirmaram que aprimoraram suas atuações em redes colaborativas esse ano. A tendência é que este índice cresça continuamente, principalmente pelo envelhecimento da mão de obra dos setores de óleo e gás. Os profissionais mais capacitados do setor devem, cada dia mais, preparar a geração mais jovem para assumir tarefas de liderança. Quase um terço dos respondentes (31%) afirmou que o avanço tecnológico – guiado pelo acesso à informação e compartilhamento - pode mitigar o impacto nos negócios, resultante da escassez de habilidades e talentos, pelo processo de envelhecimento da força de trabalho.

Adicionalmente, a natureza global da indústria de óleo e gás direciona a necessidade de atuação colaborativa em qualquer lugar, a qualquer momento, com qualquer dispositivo que permita acesso em tempo real e compartilhamento de conhecimento. Por outro lado, os pesquisados identificaram que as maiores barreiras para a colaboração são a quebra no fluxo de informação (47%) e a falta de uma solução unificada para o compartilhamento de conhecimento (45%).

“Como os profissionais da indústria de óleo estão cada vez mais espalhados pelo mundo, as companhias terão que adotar formas inovadoras de colaboração remota com segurança integrada”, afirma Craig Hodges, gerente geral da U.S. Manufacturing e Resources da Microsoft. “Cloud Computing pode permitir isso com flexibilidade, agilidade e eficiência de custo, de forma a acelerar a adoção de tecnologias colaborativas, que permitem a troca de informações e conhecimento em tempo real, entre colegas, parceiros e clientes, independente da localização geográfica.

“Diversificação, desenvolvimentos nas tecnologias, talentos e políticas regulatórias são apenas alguns fatores que fazem com que as empresas do setor permitam o acesso em tempo real e de forma eficiente”, disse Brian Miller, Senior Executive do grupo de Indústria de Energia da Accenture. “Os resultados da pesquisa mostram que o reconhecimento da indústria dos benefícios do uso estratégico de soluções de TI, como Cloud Computing, permitem acesso aos dados e conhecimento com mais facilidade, em um ambiente seguro. As companhias precisam acelerar a implementação dessas soluções”.

Fonte: TN Petróleo
Indicado por: Leonardo Dias

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir