ANP fará leilão para exploração de gás no PI

Depois de um longo período de más notícias, relacionadas, sobretudo, com as sucessivas quedas nas receitas, a descoberta de pepinos no governo e a deflagração de greves em várias categorias de servidores públicos, o governador Wilson Martins tem, enfim, uma notícia alvissareira: até o início de junho, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) publicará o edital para realização do leilão dos blocos para exploração de gás no Piauí.

A previsão é que a disputa esteja concluída até setembro, com a definição dos ganhadores dos 13 lotes que serão leiloados no Piauí. A decisão da ANP concretiza reivindicação do governador, apresentada em março passado, quando Wilson esteve pela última vez na Agência. Na oportunidade, ele recebeu a garantia da realização do leilão, depois ratificado pelo ministro das Minas e Energia, Edson lobão, e autorizada pela Câmara dos Deputados.

Na avaliação do governador, trata-se de "um primeiro grande passo na definitiva transformação econômica do Estado". Wilson lutava pela exploração de gás no Piauí desde 2007. "Na época, quando eu era coordenador do NEPE, diziam que eu estava delirando. Depois os estudos confirmaram que estava certo e agora temos esse novo passo tão importante", comemora.

Este será o 12º leilão de Leilão de Blocos de Insumos Energéticos realizado pela ANP. Desta vez, serão 20 lotes em disputa, 13 deles localizado no território piauiense, na região de Floriano, a 244 quilômetros de Teresina. Estudos já realizados pela própria ANP apontam para "fortes indícios" da existência de grandes reservas, com ampla viabilidade comercial. A expectativa é que essa exploração assegure ao Piauí a instalação de um pólo petroquímico capaz de promover uma inflexão na economia do Estado.

Antes mesmo de anunciar a realização do leilão dos lotes para exploração de gás no Piauí, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) já tinha um compromisso com o governo do Estado para a exploração das potencialidades do Piauí no setor petroquímico. Ainda no dia 2 de março passado, o diretor-geral da Agência, Haroldo lima, garantiu ao governador Wilson Martins a perfuração de um poço estratigráfico, que visa aferir o exato potencial de produção de gás natural no Estado.

O poço representa um investimento inicial de R$ 50 milhões. "Este poço traduz a real confiança da ANP nas possibilidades de exploração de gás no Piauí. Não se faria um investimento desses sem perspectivas concretas", disse Wilson. Agora é torcer para que tudo se confirme e o Piauí também possa se beneficiar de seu potencial na área mineral.

Fonte:180graus.com

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Free Website templatesFree Flash TemplatesRiad In FezFree joomla templatesSEO Web Design AgencyMusic Videos OnlineFree Wordpress Themes Templatesfreethemes4all.comFree Blog TemplatesLast NewsFree CMS TemplatesFree CSS TemplatesSoccer Videos OnlineFree Wordpress ThemesFree Web Templates
Subir